Prêmio para estudo de pele artificial no HCFMRP

Na foto, (da esq para a dir) Pedro Soler Couto, Ivan Rezende Almeida , Dra Grazielle Horácio,  e Jayme Adriano Farina Junior – Foto divulgação

A Divisão de Cirurgia Plástica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP conquistou dois prêmios denominados “Raul Couto Sucena” e o “Amal Shriners do Brasil” no quinquagésimo quarto Congresso Brasileiro de Cirurgia Plástica.

Os prêmios vieram com o trabalho Avaliação de Características Clínicas e Biomecânicas de Cicatrizes Comparando Matrizes Dérmicas em Sequelas de Queimaduras do médico residente Ivan Rezende Almeida.  O estudo trata da eficácia do uso de matrizes dérmicas, pele artificial, nos enxertos para tratamento e recuperação de danos causados por queimaduras graves. A pesquisa apontou que as áreas tratadas com as matrizes, apresentaram vantagens nos aspectos clínicos e biomecânicos, com melhoria na qualidade de vida dos pacientes queimados.

O estudo premiado tem a co-autoria dos médicos e professores da Divisão de Cirurgia Plástica e de profissionais da Fisioterapia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP) da USP, Júlio César Dias de Castro, Fernanda Bianco Correia, Pedro Soler Couto, Adriana da Costa Gonçalves, Camila Silva de Carvalho, Elaine Caldeira de Oliveira Guirro e Jayme Adriano Farina Junior.

Por: Thainan Honorato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *