USP Ribeirão recruta voluntários com depressão

O programa de pós-graduação em Saúde Mental da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP busca voluntários para o Projeto CBD-Depressão, que vai avaliar os efeitos agudos centrais do canabidiol em dose única por meio de neuroimagem funcional e sobre o reconhecimento de emoções faciais em pacientes com transtorno depressivo maior.

Os interessados devem ter diagnóstico de Transtorno de Depressão Maior com idade entre 20 e 50 anos, e Índice de Massa Corporal (IMC) entre 18 e 30. O IMC se mede dividindo o peso pela altura ao quadrado.  Não podem: estar tomando antidepressivos, ter outra doença ou transtorno, ter claustrofobia, fazer uso de cigarros (ou ter parado há um mês) ou substâncias ilícitas, possuir aparelho dental fixo ou implantes de metais no corpo. Mulheres não podem estar grávidas.

Os voluntários passarão por uma entrevista com psiquiatra para diagnóstico,  receberá uma explicação sobre a pesquisa, o termo de consentimento e irá preencher um questionário clínico e uma ficha para cadastro na pesquisa. Os selecionados terão que comparecer ao Hospital das Clínicas da FMRP (HCFMRP) em dois domingos, das 7h30 às 11h30,  com intervalo de 14 dias.

Nos dois dias de testes e serão realizados exames de urina, avaliação psicológica e receberão uma dose do medicamento. Logo após, farão tarefas de reconhecimento de expressões faciais de emoções, ressonância magnética sem contraste e coleta de sangue.

O estudo é de Luana Gonçalves Zamarrenho, com orientação do professor José Alexandre de Souza Crippa.

Os interessados devem se inscrever pelo e-mail: projeto.cbd.depressao@gmail.com

Mais informações: projeto.cbd.depressao@gmail.com

Por: Maria Julia Petroni

Imagem: https://saude.abril.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *