“USP Analisa” consequências das fake news

Eduardo Soares – Foto: Gabriel Soares

Para professor, rápida disseminação está ligada à identificação com conteúdos e urgência da rede na formação de opiniões

Diariamente, estamos expostos a uma quantidade incalculável de informações na internet. Diante de tanto conteúdo, como identificar os que realmente são verdadeiros e não cair na armadilha das famosas fake news (em português, notícias falsas)? Para discutir esse assunto, o USP Analisa recebe nesta semana o professor especialista em mídias digitais Eduardo Soares.

Segundo ele, as fake news surgiram com o intuito de atrair cliques dos internautas para conteúdos monetizados. Algumas razões para sua rápida disseminação atualmente seriam a identificação dos usuários com as informações e a própria exigência da rede por opiniões instantâneas sobre os assuntos em discussão.

O programa vai ao ar na Rádio USP Ribeirão Preto nesta sexta (11), a partir das 12h,  e na Rádio USP São Paulo na quarta (16), às 21h, e no domingo (20), às 11h30. O USP Analisa é uma produção conjunta da Rádio USP Ribeirão Preto (107,9 MHz) e do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP.

Por: Thais Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *