Programa discute saúde pública após rompimentos de barragens

O programa Ambiente é o Meio desta quarta-feira, 27 de fevereiro, fala sobre saúde pública, especialmente de locais que sofreram com desastres como o de Mariana e o de Brumadinho. O convidado é o biólogo Fernando Ferreira Carneiro; especialista em saúde ambiental, Carneiro fez mestrado em saúde ambiental, doutorado em Epidemiologia e pós-doutorado em sociologia.

E o biólogo começa sua entrevista, dizendo que as ocorrências nas duas barragens não podem ser consideradas acidentes e sim, tragédias ou até mesmo crimes. “Podem ser considerados os maiores casos de saúde, envolvendo trabalhadores no Brasil”, afirma.

Comenta ainda que a Vale “investiu apenas 1.48% de seu lucro em saúde e segurança; isto mostra qual é a política da empresa; mostra o que ela realmente está priorizando. Se você deixa de investir em saúde e segurança, depois não tem como dizer que foi um acidente”.

Ambiente É o Meio é uma produção da Rádio USP Ribeirão Preto em parceria com professores da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP e Programa USP Recicla da Superintendência de Gestão Ambiental (SGA) da USP.

Sintonize Ambiente É o Meio em 107,9 MHz na Rádio USP Ribeirão ou em 93,7 MHz na Rádio USP São Paulo todas as quartas-feiras a partir das 13 horas. Reprise aos domingos, às 17h30, nas duas emissoras.

Por: Thainan Honorato

Foto: Sidelcino Souza – Flickr CC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *