Supera Incubadora é selecionada para programa da Samsung

Programa, de apoio a Startups segue modelo implantando pela CCEI Daegu, na Coréia do Sul

A Supera Incubadora de Empresas é uma das 11 instituições pré-selecionadas para participar da segunda rodada do Programa de Promoção da Economia Criativa, que busca identificar incubadoras de empresas que já estão estruturadas para fomentar a cultura do empreendedorismo inovador e a geração de negócios de alto impacto. O programa é realizado pela Samsung, em parceria com a Anprotec (Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores) e CCEI (Centro de Economia Criativa) Daegu, da Coréia do Sul.

Com a pré-seleção, a Supera Incubadora de Empresas está habilitada a convidar e orientar startups da região, incubadas ou não no Supera Parque, para participarem da chamada. “A incubadora somente será selecionada se um ou mais empreendimentos vinculados a ela também forem selecionados pela Samsung”, explica Saulo Rodrigues, gerente da Incubadora de Ribeirão Preto. A equipe do Programa de Promoção da Economia Criativa também realizará uma visita técnica para validação das informações submetidas e avaliação da infraestrutura e portfólio de serviços.

As incubadoras que prosseguirem no processo receberão treinamentos focados na criação de empreendimentos de alto impacto econômico e social, utilizando o compartilhamento de documentos, tecnologias e práticas adotadas no modelo implantada pelo CCEI Dagu, na Coréia do Sul.

Parceria

O Programa de Promoção da Economia Criativa é resultado da parceria firmada em abril de 2015 entre Samsung e Anprotec, voltada à promoção do empreendedorismo e da inovação. Por meio da parceria, a Anprotec se comprometeu a realizar treinamentos, articular políticas públicas e propagar conhecimento sobre economia criativa junto a seus associados e empresas inovadoras. A Samsung, por sua vez, atua como facilitadora da relação entre a Anprotec e o CCEI, identificando projetos aptos a participarem do Programa. Em cinco anos, a empresa investirá US$ 5 milhões no projeto.

Sobre a Fipase

A Fipase – Fundação Instituto Polo Avançado da Saúde, foi criada em 2001, por meio de lei municipal. A Fundação atua no desenvolvimento da indústria de equipamentos e produtos de saúde em Ribeirão Preto, e no apoio aos setores de tecnologia da informação, biotecnologia, química, fármacos e cosméticos.

Mantida pela Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto, a Fipase é a gestora da marca Supera que dá nome à Incubadora de Empresas, ao Centro de Tecnologia e ao Parque Tecnológico de Ribeirão Preto. É por meio da Fundação que o Supera Parque de Inovação e Tecnologia e a Supera Incubadora de Empresas de Base Tecnológica promovem ações de incentivo ao empreendedorismo e à inovação em Ribeirão Preto e região.

Supera Parque

O Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto é resultado de uma parceria entre a Fipase, a Universidade de São Paulo (USP), Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo. Instalado no Campus da USP local, o Parque abriga a Supera Incubadora de Empresas, o Supera Centro de Tecnologia, a associação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Saúde, o Polo Industrial de Software (PISO), além do Supera Centro de Negócios.

Ao todo, são 51 empresas instaladas no Parque, sendo: 40 delas na Supera Incubadora de Empresas de Base Tecnológica; 10 empreendimentos no Centro de Negócios e 2 no SEVNA Seed (uma das empresas da aceleradora também integra a Incubadora de Empresas).

Por: Assessoria de Imprensa do Parque Tecnológico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *